Blog Na Vitrine

Camisa causa ruído na mais longa parceria entre clube e fornecedor no país

UOL Esporte

16/04/2018 15h41

Reprodução/Twitter

Atlético-PR e Umbro mantêm desde 1996 a mais longeva relação entre um clube de ponta do país e uma empresa fornecedora de materiais esportivos. Mesmo assim, as duas partes viveram um instante de saia justa no final da última semana, quando uma camisa comemorativa do time foi vetada pelos paranaenses – mesmo após o lançamento oficial.

Na noite da última sexta-feira, a marca de origem inglesa lançou o projeto “Umbro Nations”, que contemplou sete times brasileiros, das séries A e B, como Santos, Cruzeiro e Grêmio. O modelo do Atlético-PR usou as cores da Espanha como inspiração, mas acabou vetado pelo clube – segundo apuração da reportagem do UOL, após uma recepção negativa da torcida nas redes sociais.

A Espanha será homenageada pelo clube paranaense devido ao fato de a seleção espanhola ter escolhido o Centro Administrativo e Técnico Alfredo Gottardi, o CAT do Caju, para ser sua sede durante a Copa do Mundo de 2014“, explicou a Umbro no comunicado oficial de lançamento da campanha, na última semana.

Com predominância do amarelo e detalhes em vermelho, a camisa confeccionada pela Umbro não agradou torcedores, que se manifestaram pelas redes sociais. Alguns deles, inclusive, abordaram dirigentes do clube através de mensagens por WhatsApp, pedindo para que o projeto fosse abortado.

Em nota (na íntegra, no fim da matéria), o Atlético-PR alegou que o desenho não passou pela aprovação do clube. No entanto, a reportagem do UOL apurou que a Umbro contou com o aval dos paranaenses antes de levar adiante o lançamento. No evento da última sexta em São Paulo o clube de Curitiba contou com representantes – um deles, inclusive, venceu uma brincadeira de conhecimentos de futebol e foi chamado ao palco pelo anfitrião, o humorista Paulo Bonfá.

“A gente não faz nada sozinho. Teve muita influência dos clubes, muita conversa. A gente está feliz porque todos os representantes dos clubes estavam presentes hoje, todos os clubes aderiram a esse projeto. É bastante satisfatório para a marca”, afirmou Eduardo Dal Pogetto, gerente de marketing da Umbro Brasil, em conversa com o blog no evento de sexta.

“Todo o desenvolvimento de produto você precisa ter um link com a história do clube, e junto com cada clube a gente foi atrás. Não é um projeto simples, demandou muito tempo, muito empenho. Aí a gente chegou ao que vocês estão vendo, juntamente com cada clube”, acrescentou o executivo da marca.

A Umbro divulgou posicionamento oficial sobre o episódio no final da tarde desta segunda-feira (na íntegra, ao fim da reportagem).

Parceira do Atlético-PR desde 1996, a Umbro desempenhou papel importante no início do ousado projeto do clube para crescer no cenário nacional. Desde o início o plano se baseava na história de sucesso do Manchester United, incluindo o estádio Old Trafford como inspiração conceitual para a Arena da Baixada. Com sede em Manchester, a marca atuou na década de 90 para que dirigentes paranaenses fossem recebidos pela cúpula do clube inglês.

Camisas amarelas não aprovadas estão à venda

Mesmo com o posicionamento de não aprovação por parte da direção do Atlético-PR, é possível encontrar as peças masculinas e femininas à venda na Netshoes, loja virtual na internet.

Reprodução

Confira a nota oficial divulgada pelo Atlético-PR no final de semana:

Camisa do projeto “Umbro Nations” não será utilizada pelo Atlético Paranaense

Fornecedora oficial dos uniformes do Atlético Paranaense, a Umbro lançou uma coleção de camisas para celebrar grandes nações do futebol mundial, chamado de projeto Nations. 

O desenho da camisa atleticana, amarela com detalhes em vermelho, não foi aprovado pelo Clube. Desta forma, o Furacão não utilizará e nem comercializará a camisa lançada nesta última sexta-feira (13).

Confira a nota divulgada pela Umbro nesta segunda-feira:

A Umbro Brasil, patrocinadora de sete equipes brasileiras, atualmente, esclarece que a criação, desenvolvimento e lançamento dos produtos de todos os clubes seguem um rigoroso processo de aprovação, sempre contando com a anuência e liberação das diretorias envolvidas, clube e marca.

No projeto Nations, o Clube Atlético Paranaense (CAP) seguiu o mesmo processo de aprovação, assim como todos os clubes. Reforçamos que a camisa passou por alterações e sugestões propostas pela diretoria do clube e que foram aceitas pela marca, resultando no design e cores da camisa El Huracán.

Temos orgulho da história que criamos ao lado do CAP ao longo dessas duas décadas, buscando satisfazer os anseios da apaixonada torcida do furacão. Reiteramos que todos os produtos – ao longo desses anos de parceria – foram aprovados em conjunto pelo clube e marca.

Por Bruno Freitas e Napoleão de Almeida
Do UOL, em São Paulo

Sobre os autores

Bruno Doro (twitter.com/brunodoro_): desbravou o universo do futebol de várzea, trabalhou em duas Olimpíadas e deu a volta ao mundo cobrindo uma regata oceânica. Ao contrário de Bruno Freitas, ainda não transformou nenhuma das aventuras em livro. Bruno Freitas (@brunofreitas104) é jornalista, com coberturas internacionais em 18 países, incluindo quatro edições de Olimpíadas e duas Copas. É autor de “Queimando as Traves de 50”, “Em 12 Rounds” e mais dois livros. Também codirigiu o documentário “Casas de Jehad”, premiado no Los Angeles International Underground Film Festival (2015).

Sobre o Blog

Esporte é emoção e conquistas, mas também é bola, chuteira, tênis, uniforme... Vamos falar tudo o que você precisa para praticar sua modalidade preferida ou usar o mesmo que o seu ídolo veste. A chuteira mais moderna, as curiosidades das novas bolas, quem já lançou camisa para a temporada e muito mais.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Na Vitrine
Topo